Phone: E-mail: contato@myriamdurante.com.br
Português - Brasil Inglês Espanhol
Press

11 November 2014

Deixe a ansiedade em casa na hora de fazer a prova

Em 08/11/2014 o Blog do ENEM publicou a matéria: "Deixe a ansiedade em casa na hora de fazer a prova" citando a psicoterapeuta holística e hipnóloga Myriam Durante, que falou sobre como diminuir a ansiedade na hora da prova.

Faltando apenas algumas horas para o início da maratona de provas do Enem 2014, muitos alunos bombardeiam a si mesmos com perguntas como “será que estou preparado?” ou então “será que estudei o suficiente?”. Cada um sabe como responder essas perguntas a respeito de si mesmo, mas agora não adianta nada chorar pelo leite derramado por que o tempo para se preparar para o Enem já acabou. Por isso, ao invés de tentar recuperar o tempo perdido estudando como um louco na véspera do exame, que tal relaxar?

O candidato que vai para as provas do Enem 2014 ansioso pode acabar não tendo um desempenho tão bom quanto o que teria se tivesse calmo e conseguisse pensar com mais clareza. Por isso, a psicoterapeuta Myriam Durante conversou com a equipe do portal Universia Brasil disse que o aluno precisa pensar positivo e realizar um simples ritual para diminuir a ansiedade, olha só:

Enem 2014Ainda em casa, o candidato do Enem 2014 deve se imaginar indo para o exame calmo e tranquilo. Enquanto mentaliza tudo que estudou durante o ano, respire pelo nariz três vezes e junte os dedos indicador e polegar enquanto respira. Repita essa sequência mais algumas vezes até associar essas atitudes com a sensação de sossego e bem-estar. Assim, durante a prova, quando você se sentir nervoso e atacado pela ansiedade, basta repetir esse pequeno ritual que você logo irá se acalmar e poderá seguir o exame tranquilamente.

A psicoterapeuta Myriam explica por que uma técnica tão simples é tão eficaz: o aluno coloca na cabeça que, quando juntar os dedos, ele se lembrará de tudo. Não dependerá mais dele, entende? Fica mais fácil, porque passa a depender de outra conexão”. O que acontece, em outras palavras, é uma transferência de todo o estresse, ansiedade e nervosismo para um simples exercício de respiração e uma pequena atitude. “Então toda aquela dor de barriga, a mão fria, batimento cardíaco acelerado se mantêm em equilíbrio na hora que ele juntar os dedos. Basta ele acreditar”, completa Myriam.

Portanto, confie no conselho da psicoterapeuta e acredite no poder e na influência dos pensamentos. Pense positivo e garanta um bom desempenho no Enem 2014 sem a interferência dos nervos à flor da pele. Boa sorte!

 

Confira a matéria na íntegra