Phone: E-mail: contato@myriamdurante.com.br
Português - Brasil Inglês Espanhol
Press

05 April 2013

JORNAL START – SAIA DO PAPEL DE VÍTIMA

EM 05/04/2013, A MYRIAM DURANTE PARTICIPOU DA COLUNA QUINZENAL DO JORNAL START COM O ARTIGO “SAIA DO PAPEL DE VÍTIMA!“.

 

SAIA DO PAPEL DE VÍTIMA!

OH DIA! OH CÉUS! OH AZAR! Sabe aquela pessoa que só reclama da vida, que sempre acha que o mundo inteiro está contra ela e acaba culpando o carma por nada dar certo? Se você é assim, está mais do que na hora de parar de se fazer de vítima e sair desse papel.

O chefe a perseguiu, as pessoas no trabalho não a entendem, o namorado a trata mal, os amigos sempre fazem pouco dela e ainda abusam da sua bondade… Essa pessoa realmente acredita que existe uma conspiração para que ela nunca obtenha sucesso, sendo sempre injustiçada. Com isso, ela acaba atribuindo aos outros as responsabilidades da própria vida, achando que sempre há alguém a sabotando, sem se dar conta de que, na maioria das vezes, são escolhas inconscientes que acabam por sabotar a nossa vida.

A pessoa acredita tanto que é uma vítima e uma sofredora que não se permite enxergar algo de bom ao seu redor. Ela acaba vivendo cercada por uma nuvem preta, sem ao menos ver uma luz ou uma saída, está sempre sofrendo, pensando no passado, tendo vários comportamentos repetitivos e não sabendo administrar a sua vida. A pessoa, mesmo de maneira inconsciente, enxerga uma vantagem em ser vítima, porque todos ao seu redor ficam com pena e a ajudam a conseguir o que quer.

O primeiro passo para sair desses padrões e comportamentos viciados e repetitivos é perceber que a vida pode e deve ser diferente. Enxergar que a mudança de comportamento é necessária e que é preciso aprender a se colocar em primeiro lugar, a se amar, se aceitar e se perdoar. Aí a mudança fica muito mais fácil.

É preciso aprender também a falar ao parceiro, aos amigos e principalmente a você mesma o que deseja. Quem não fala o que quer faz, na maioria das vezes, o que não gosta e aí reclama depois. Aprenda a não guardar sentimentos, mágoas e raiva e a perder o medo de expressar vontades e necessidades em pequenas atitudes.

Se você não quer ser maltratada por ninguém, tem que aprender a colocar limites e a se respeitar em primeiro lugar. Posicionar-se com firmeza é um jeito de se fortalecer e aumentar a percepção de si mesmo, buscando autoconhecimento e ganhando coragem para dar novos passos a cada dia, deixando o passado e vivendo o aqui e agora. Colocando tudo isso em prática, com certeza você será mais equilibrado e feliz, deixando assim a eterna condição de vítima para trás, aumentando a sua autoestima e começando a viver melhor.